top of page

Amor

Estou num completo desalento

atrás da morte que me quer

rígida que nem ouve o vento

procurando a minha mulher

uma mulher que me ame

mesmo no crepúsculo mórbido e maduro

mesmo quando tudo estiver escuro

de amor, em Mim, ela derrame









8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Sentir pouco

Não sei sentir pouco quando entristeço quero morrer quando estou feliz brilho quando sinto raiva queimo mas quando você me deixa eu me destruo

Os bichos tomam água

Todos os dias no mesmo horário eu pego meu telefone esperando uma mensagem que nunca mais vai chegar, e assim, cada dia um sofro um pouco. Eu nunca mais vou ir na rodoviária, tomar café no meio do meu

Comments


bottom of page